Uma das Sete Maravilhas do Mundo – as Cataratas do Iguaçu – está dentro do Parque Nacional e tem papel fundamental no recorde histórico de turistas que visitam a região. A expectativa é de que a unidade de conservação ultrapasse, até o final do ano, o seu maior número de visitantes: um milhão e 642 mil visitantes.

De janeiro até   esta semana, o local já recebeu um milhão e 602 mil pessoas, crescimento de 15% comparado ao mesmo período do ano passado.

A administração do Parque Nacional do Iguaçu já comemora os novos números. “O recorde que se aproxima é resultado de uma junção de fatores: a beleza das Cataratas, que atrai por si só os turistas; a organização do Parque para receber as pessoas de forma adequada; e a estrutura turística de Foz do Iguaçu, que faz com que a cidade esteja apta para amparar turistas de diferentes culturas; e as estratégias de divulgação do destino para o turismo interno e o exterior”, ressalta Ivan Baptiston, chefe do Parque Nacional do Iguaçu.

Considerado número 1 no ranking de atrativos naturais, nos últimos três estudos de competitividade do Turismo do Fórum Econômico Mundial, o Brasil espera creditar um crescimento de 11,5% no número de visitantes em parques nacionais. A expectativa é que o ano termine com os parques indicando a visitação de 7,8 milhões de pessoas.

Somente os quatro parques concedidos -  além do Nacional do Iguaçu, o Parque Nacional da Tijuca, Serra dos Órgãos e Fernando de Noronha - foram responsáveis por 68,7% do total de visitantes em 2016 - 7,031 milhões. Por tal motivo, Ministério do Turismo tem discutido junto ao Ministério do Meio Ambiente a concessão dos parques nacionais para estimular o aproveitamento de todo o potencial turístico das unidades. O Brasil tem 72 parques nacionais.

O Parque Nacional do Iguaçu, com sua ampla biodiversidade de fauna e flora, é o segundo mais visitado do país, ficando atrás do Parque Nacional da Tijuca (RJ), que recebe mais de três milhões de visitantes por ano.  É administrado pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), órgão federal responsável pela administração das unidades de conservação do Brasil. Desde 1999, o local conta com os serviços de visitação turística do Grupo Cataratas.

Criado em 1939, o Parque do Iguaçu movimenta a economia dos 14 municípios que estão ao seu redor e é considerado um santuário ecológico pela responsabilidade de proteger algumas espécies ameaçadas de extinção.