O presidente da Argentina, Mauricio Macri, irá viajar na terça-feira (27) a Santiago com o objetivo de avançar na definição de um acordo de livre comércio com a sua colega Michelle Bachelet.

Fontes oficiais afirmaram que o chefe de Estado planeja viajar acompanhado pelo chanceler Jorge Faurie e outros parceiros.

O presidente irá participar de um almoço com Bachelet no Palácio de La Moneda, sede da Presidência do país vizinho, para o qual foram convidados cerca de vem dirigentes políticos e empresários.

Em seguida, os dois presidentes irão assinar uma série de acordos entre as nações, sendo que depois irá fazer uma série de reuniões no antigo Congresso do Chile com os líderes da Câmara dos Deputados e do Senado, Fidel Espinoza (PS) e Andrés Zaldívar (DC), junto aos membros das comissões de Relações Exteriores e outros parlamentares.